Current Style: Padrão

Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para busca Acessibilidade Mapa do site

COMUNIDADES RURAIS RECEBEM AÇÕES ITINERANTES DE EDUCAÇÃO, SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL por meio de projeto da Secretaria Municipal de Educação

Notícias
COMUNIDADES RURAIS RECEBEM AÇÕES ITINERANTES DE EDUCAÇÃO, SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL por meio de projeto da Secretaria Municipal de Educação

Além do papel educativo que os pais exercem sobre os filhos desde os primeiros contatos com o ambiente familiar, é necessário que os responsáveis participem também da vida escolar dos jovens. Para reforçar essa responsabilidade, educadores da Secretaria de Educação de Gurupá (Semed) foram até à comunidade Nossa Senhora da Conceição, e realizaram ação conjunta, na segunda-feira (29), na escola municipal Nossa Senhora de Nazaré, realizada em parceria com as secretarias municipais de Saúde (Semusg) e Assistência Social (Semas) - já que os serviços oferecidos por estas secretarias estão relacionados com a educação escolar. A ação beneficiou as populações das comunidades adjacentes São Pedro e Brasília, no Bacá, onde residem atualmente cerca de 90 famílias.


“Detectamos algumas necessidades aqui na escola Nazaré, ausência de alunos e de suas famílias (pais e responsáveis) nas atividades diárias, entre outras demandas, então decidimos iniciar esse trabalho por esta escola. Já havíamos realizado trabalho semelhante em outras escolas como a Licurgo Peixoto, e queremos, principalmente, despertar o interesse dos pais em participar da vida escolar de seus filhos”, esclarece a secretária de educação, Betiza Ferreira. Ela justifica a ação como intervenção necessária para evitar evasão escolar e dar apoio ao trabalho dos professores. “É mais uma ação para melhorar a qualidade da educação no município, despertar o interesse dos alunos em sala de aula e motivar os professores”, afirma.

Serviços de saúde e assistência social somaram à ação da Secretaria Municipal de Educação: integração por melhores resultados


A ação na escola surgiu do projeto “Juntos Somos Mais Fortes: Seja Parceiro da Educação”, da Semed, cujo objetivo “é trazer a família para a vivência escolar e sensibilizá-la à reflexão, sobre o seu papel no processo educacional na escola e espera-se, a partir desse momento, que os pais participem das reuniões escolares e de tudo o que acontece no ambiente escolar”, segundo a pedagoga Silvana Mourão, assessora técnica da Semed. Ela explica que o projeto já é resultado da construção da nova Base Nacional Curricular Comum (BNCC), em que participaram vários atores da educação municipal, em evento realizado na escola Mariocay, no dia 9 de agosto. A versão atual da Base Curricular abre espaço para que as famílias participem do processo educacional dos filhos, opinando no conteúdo curricular e estimulando rendimento.

Para Silvana Mourão, família deve ir à escola


Ações sociais e de saúde somaram à intervenção da Semed. Durante todo o dia, o público presente recebeu serviços de enfermagem, exames preventivos do câncer do colo do útero (PCCU), palestras de saúde (verminose, hanseníase, DST, álcool, tabagismo, exame preventivo da próstata e teste do pezinho), vacinas com atualização de cadernetas e distribuição de medicamentos contra verminoses. “É importante trazermos informações preventivas de saúde para evitar que o povo adoeça. Informar sobre saúde também é educar”, disse o secretário de saúde de Gurupá, Bira Pantoja, que esteve presente no evento. Ele garantiu que nos dias 8 e 9 de setembro haverá mutirão odontológico para atender às comunidades do Bacá, e destacou os serviços itinerantes oferecidos no Barco da Saúde, que atualmente percorre diversas comunidades ribeirinhas do município. 

Vacinas e outros serviços de saúde atraíram moradores das comunidades Conceição, São Pedro e Brasília do Bacá à ação da Semed


Os serviços sociais também focaram na informação, com interação do público. As palestras e vídeo apresentados sobre vivência familiar, em que enfatizam a importância da participação dos pais na educação dos filhos, resultaram em muitas perguntas dos participantes, numa dinâmica que interfere diretamente no trabalho dos professores, de forma positiva, segundo o professor da escola Nossa Senhora de Nazaré, Fernando Carvalho, que trabalha há oito anos no estabelecimento de ensino. “São ações que contribuem com muita força para o nosso trabalho, fortalecem e nos motivam. Também algumas informações nem nós, professores, sabíamos, e isso é muito importante”, ressalta.

 

Ação como esta acontecerá no próximo dia 14 de setembro, na escola municipal José Maria Alves, onde a comunidade Santana do Flexal receberá o atendimento, de acordo com as demandas. Outras escolas de Gurupá realizam ações semelhantes, como o evento que levou dezenas de famílias à Escola Criança Feliz, no bairro do Horto.

 

 

Texto e fotos: Rui Pena

 

quarta-feira, 31 Agosto, 2016